Atendimento

Quer comprar na Trelicamp? Solicite sua cotação agora mesmo através da nossa Central do Cliente, ou ligue-no, um de nossos atendentes aguarda por você!

Atendimento
Location
Jacutinga, MG, 37590-000 P96R+GP Jacutinga, MG
Phone
+55 35 3042-0299
+55 19 99719-8923
Email
Solicite sua cotação! cotacao@trelicamp.com.br

TreliBlog

tagreuters.com2023binary_LYNXMPEJ5C0D2-FILEDIMAGE.jpg

Minério de ferro se recupera com redução de juros na China

Matéria-prima encerrou negociações diurnas na Dalian Commodity Exchange com alta de 0,69% e na Bolsa de Singapura, subiu 2,69%

Os contratos futuros do minério de ferro nas bolsas de Singapura e Dalian se recuperaram nesta terça-feira (13), com a melhora do sentimento do mercado depois que o banco central da China, maior produtora de aço do mundo, reduziu a taxa de empréstimo de curto prazo pela primeira vez em 10 meses.

O anúncio veio depois que o índice de referência de Singapura recuou 3% na segunda-feira, após um aumento de quase 15% em oito sessões consecutivas, em meio à esperança de que a China implementasse uma série de políticas de estímulo para reviver seu mercado imobiliário em dificuldades.

O Banco do Povo da China (PBoC) cortou sua taxa de recompra reversa de sete dias em 10 pontos-base, para 1,90%, injetando 2 bilhões de iuanes (US$ 279,97 milhões) por meio do instrumento de títulos de curto prazo.

Somando-se ao sentimento otimista, uma reportagem da Bloomberg News disse, citando pessoas familiarizadas com o assunto, que a China está considerando uma dúzia de medidas de estímulo para apoiar atividades, como o mercado imobiliário, o maior consumidor de aço.

A medida vem após uma enxurrada de dados econômicos mais fracos do que o esperado em abril e maio.

O minério de ferro de referência de julho na Bolsa de Singapura subia 2,69%, para US$ 111,8 a tonelada métrica.

Já o contrato mais negociado para setembro na Dalian Commodity Exchange (DCE) reverteu a tendência de baixa na sessão da manhã e encerrou as negociações diurnas com alta de 0,69%, a 801,5 iuanes (US$ 112,10) a tonelada.

Enquanto isso, outros ingredientes siderúrgicos como carvão metalúrgico e coque saltaram 4,09% e 2,64%, respectivamente.

“O recente aumento nos preços do aço ajudou a expandir as margens do aço e encorajou as siderúrgicas de alto-forno a reiniciar as operações”, disseram analistas da Huatai Futures em nota.

Fonte: https://encurtador.com.br/npyKT

Leave a Comment